Caso não consiga visualizar este conteúdo, clique AQUI.

Economia e agronegócio brasileiro: mais oportunidades ou riscos em 2018?

O Sinproquim reunirá, no dia 28 de fevereiro, os economistas Fabio Silveira, que atuou como superintendente de estudos setoriais e analista de investimentos do Unibanco; Eduardo Daher, que foi diretor-executivo da Associação Nacional para Difusão de Adubos (Anda) e da Associação Nacional de Defesa Vegetal (Andef), e Marcel Caparoz, economista-chefe da RC Consultores, para analisar os cenários da economia brasileira, com foco na indústria, no agronegócio e no setor químico. No evento, também será apresentada uma ferramenta que ajuda a aumentar a base de clientes e a incrementar as vendas. As inscrições são gratuitas.

CLIQUE AQUI E FAÇA SUA INSCRIÇÃO

Sinproquim promove palestra sobre inovação em biossintéticos e fontes de fomento

O Instituto Senai de Inovação em Biossintéticos desenvolve novos produtos e processos empregando recursos renováveis e não renováveis. Os projetos são desenvolvidos abordando quatro plataformas tecnológicas: biotecnologia, síntese química, engenharia de processos e fibras e química têxtil. Na apresentação a ser feita no Sinproquim, no dia 27 de fevereiro, Paulo Coutinho, gerente do Instituto Senai de Inovação em Biossintéticos, detalhará os serviços oferecidos pela instituição e o processo de execução de pesquisas. Os principais segmentos de mercado atendidos pelo Instituto são os de especialidades e bases químicas, óleo e gás, higiene pessoal e cosméticos, produtos de limpeza, lubrificantes, papel e celulose, defensivos agrícolas, alimentos, saúde e têxtil. para analisar os cenários da economia brasileira, com foco na indústria, no agronegócio e no setor químico. No evento, também será apresentada uma ferramenta que ajuda a aumentar a base de clientes e a incrementar as vendas. As inscrições são gratuitas.

SAIBA MAIS

Palestra no Sinproquim detalhará novas exigências no transporte de produtos perigosos

Engenheira química e consultora do Sinproquim, Glória Benazzi, detalhará as mudanças introduzidas na legislação pela Resolução 5.232/16, suas atualizações e as normas brasileiras que complementam o Regulamento do Transporte Rodoviário de Produtos Perigosos, aprovado pelo Decreto 96.044/88.

CLIQUE AQUI E FAÇA SUA INSCRIÇÃO

Estado de São Paulo exportou US$ 4 bilhões em produtos químicos de uso industrial em 2017

Balança comercial de produtos químicos de uso industrial do estado de São Paulo apresentou saldo negativo de US$ 10,1 bilhões, valor muito próximo aos US$ 9,9 bilhões de 2016. Dados constam do Info-Q, informativo de comércio exterior distribuído pelo Sinproquim.

SAIBA MAIS

Fazenda define normas para parcelamento de débitos com utilização de créditos da CSLL

A Portaria PGFN 31/2018, publicada no D.O.U. de 5 de fevereiro, estabeleceu os procedimentos relativos à consolidação de débitos para parcelamento e pagamento à vista com utilização de créditos decorrentes de prejuízo fiscal ou de base de cálculo negativa da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL). Os procedimentos deverão ser realizados exclusivamente no sítio da Receita Federal do Brasil na internet, de 6 a 28 de fevereiro.

Receita cancela multas por atraso na entrega das DIRFs dos anos de 2012 a 2017

Os lançamentos referentes às multas aplicadas por atraso na entrega das Declarações do Imposto sobre a Renda Retido na Fonte (Dirfs), relativos a fatos geradores ocorridos nos anos-calendário de 2012 a 2017, foram cancelados pelo Ato Normativo Executivo 02/2018. Os lançamentos relativos aos anos-calendário de 2012 a 2016 serão retificados de acordo com os cálculos efetuados a partir da data limite correta.

Inmetro revisa lista de grupos de produtos perigosos e registro de não conformidade

Por meio da Portaria 46/2018, o Inmetro aprovou a revisão da Lista de Grupos de Produtos Perigosos e do Registro de Não Conformidade (RNC). Foi estabelecido o prazo máximo de um mês, contados da data de publicação da Portaria, para que os Organismos de Inspeção Acreditados (OIA) e os representantes da Rede Brasileira de Metrologia Legal e Qualidade-Inmetro (RBMLQ-I) passem a utilizar a nova Lista de Grupos de Produtos Perigosos e o RNC para preenchimento dos documentos técnicos concernentes à inspeção de veículos e equipamentos rodoviários destinados ao transporte de produtos perigosos. A Portaria Inmetro 247/2016 será revogada em 30 dias, a contar da data da publicação da Portaria 46.

Ajustes nos requisitos de avaliação da conformidade para tanques de carga rodoviários

O Inmetro, por meio da Portaria 38/2018, de 19 de janeiro, aprovou ajustes nos requisitos de avaliação de conformidade para tanques de carga rodoviários destinados ao transporte de produtos perigosos. Foram incluídos novos anexos na Portaria nº 16/2016 e definidos procedimentos para tanques já construídos e em estoque até 15 de janeiro de 2018, bem como os que se encontram em processo de construção iniciado antes dessa data.

ABNT coloca em consulta nacional projeto que altera a identificação de produtos

O projeto de emenda NBR 7500 referente à identificação para o transporte terrestre, manuseio, movimentação e armazenamento de produtos foi colocado em consulta nacional pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT). O projeto, entre outras alterações, proíbe a sobreposição de rótulos de risco e símbolos, determina as dimensões de rótulos de risco para cilindros de gás e apresenta modelos de sinalização (com número ONU) que devem ser aceitos no transporte terrestre em território brasileiro. O prazo para o envio de sugestões ao projeto, que pode ser consultado no site da ABNT, termina no dia 4 de março.

SAIBA MAIS

Transportadores de produtos perigosos devem ficar atentos a novas orientações

A Portaria Inmetro 48/2018 aprovou os requisitos de Avaliação da Conformidade para Tanques de Carga Rodoviários Destinados ao Transporte de Produtos Perigosos, que incluem algumas alterações na Portaria 16/2016, como no Anexo A, com inserção de informações na placa de identificação do fabricante constante no tanque de carga, dados a serem incluídos no Certificado de Inspeção (CIPP), bem como informações correlacionadas à inspeção desses equipamentos.

SAIBA MAIS

Importante! Para garantir que nossos comunicados cheguem a sua caixa de entrada, adicione os emails
informativo@sinproquim.org.br e sinproquim@sinproquim.org.br ao seu catálogo de endereços e marque-os como confiáveis.